Agencia Publix

KTM Sacramento

01/10/2018
Maiara Basso é campeã brasileira de enduro FIM 2018 com a equipe KTM Sacramento

Piloto gaúcha é primeira atleta na história do motociclismo brasileiro com títulos nacionais no motocross, velocross e enduro

O Campeonato Brasileiro de Enduro FIM 2018 terminou neste fim de semana, dias 29 e 30 de setembro, em Patos de Minas (MG), consagrando os campeões da temporada. Com mais uma bela vitória na sétima rodada da competição, a quarta válida pela categoria EFeminina, Maiara Basso faturou o título de campeã nacional da modalidade. A conquista da piloto KTM Sacramento é um feito histórico no motociclismo brasileiro, pois a gaúcha também possui títulos nos campeonatos nacionais de motocross e velocross. É a primeira vez que uma atleta acumula os troféus nacionais nas três modalidades.

"Estou muito feliz, muito feliz mesmo por ter conseguido este título. Foi meu primeiro ano no enduro, para mim foi bem diferente, bem desafiador. Tive que aprender muito para conseguir bons resultados. Foi um campeonato longo, com várias etapas grandes, intensas, onde é preciso ter uma estratégia diferente", disse a piloto que começou a carreira no motocross. "Consegui levar o título e agradeço a KTM Sacramento por me proporcionar a melhor moto do mercado. Em duas etapas usei o modelo de motocross (SX) e nas outras duas o de enduro (EXC-F). Sem dúvida com as motos KTM os meus resultados foram melhores", destacou a campeã que também é a atual líder nos campeonatos nacionais de motocross e velocross.

Os companheiros de equipe da gaúcha também conquistaram resultados consistentes na final do campeonato. Mesmo com imprevistos durante a temporada, Anderson Vieira terminou a etapa decisiva no segundo lugar e bem próximo do vice-campeonato da classe E35. "Comecei o ano bem, mas tive uma queda na etapa de Aracruz, me machuquei e fiquei afastado de mais uma prova. Me recuperei e estava na briga pelo vice, mas meu concorrente usou o jogo de equipe na final e completei o campeonato em terceiro", explicou. "Vou para o Six Days junto com o (Willian) Palandi e outros pilotos, competir pelo Clube Sacramento, então tive um pouco mais de cuidado nesta prova. Pegamos alta temperatura e clima seco, bem similar ao que espero encontrar lá (no Chile, entre os dias 12 e 17 de novembro), apesar de o circuito não ser tão pesado quanto no Mundial. As motos KTM da equipe, todas modelo EXC-F, se comportaram muito bem ao longo do ano, perfeitas, com ótimo rendimento e sem problemas", completou Vieira.  

Gustavo Pellin, que também já está em ritmo de preparação para o Six Days onde vai representar o Time Brasil, conquistou o terceiro lugar na E2 e acabou o campeonato na mesma posição. "Correu tudo bem. Foi uma prova muito rápida com especiais bem abertas, praticamente de veloterra, bastante estrada no meio dos eucaliptos, uma etapa bem perigosa, fácil de se machucar. Eu preferi não arriscar, ainda mais com o Six Days chegando. Claro, tentei forçar ao máximo, mas com um pouco mais de cautela. A moto se comportou muito bem, tudo 100%, e já estou pronto para me preparar para o Six Days", comentou. 

Na E1, Willian Palandi terminou a rodada na terceira posição, logo atrás do campeão da temporada Bruno Crivilin. "Foi uma prova dura, com muito calor e poeira. Completei o sábado em quarto e o domingo em terceiro na categoria E1, terminando o campeonato com a terceira colocação (na soma do fim de semana). Foi um ano de muito aprendizado, pois foi o primeiro ano na EnduroGP. Agora vou focar as últimas etapas do Campeonato Gaúcho para no próximo ano entrar ainda mais preparado", disse o piloto que obteve o quinto lugar na classificação final da classe E1.

Correndo na EJúnior, Vinícius Lopes, o Musa, teve um prova difícil. "No sábado, por estar largando mais atrás, peguei muita poeira e gente pela frente nas especiais. Fiz um quarto lugar", cometou o mineiro sobre o primeiro dia. "Já no domingo estava andando bem melhor, sem pegar poeira, porém bati em um eucalipto e tive que abandonar a prova. As especiais estavam muito rápidas, principalmente o segundo Enduro Teste que estava perigoso", avaliou o quarto colocado no campeonato da EJúnior.

A equipe KTM Sacramento é patrocinada por KTM, Dafra, Borilli Racing, Motul, Alpinestars, Bell, 100% e Edgers.

Classificação final do Brasileiro de Enduro FIM 2018

Enduro GP
1 - Bruno Crivilin - 297 pontos
2 - Júlio Ferreira - 229 pontos     
3 - Vinícius Calafati - 224 pontos  
4 - Patrik Capila - 219 pontos 
5 - Gustavo Pellin - KTM Sacramento - 199 pontos

E1 
1 - Bruno Crivilin - 300 pontos  
2 - Nicolás Rodriguez - 254 pontos 
3 - Diego Colett - 152 pontos   
4 - Gabriel Soares - 150 pontos
5 - Willian Palandi - KTM Sacramento - 144 pontos

E2
1 - Vinícius Calafati - 270 pontos
2 - Júlio Ferreira - 266 pontos
3 - Gustavo Pellin - KTM Sacramento - 246 pontos
4 - Victor Miranda - 208 pontos
5 - Mauricio Rizzon - KTM Sacramento - 153 pontos

EJúnior
1 - Patrik Capila - 297 pontos
2 - Willian Lauers - 263 pontos
3 - Vinícius de Sá - 246 pontos
4 - Vinícius Musa - KTM Sacramento - 98 pontos
5 - Washington Pereira - 98 pontos

EFeminina
1 - Maiara Basso (Campeã) - KTM Sacramento - 194 pontos

2 - Bárbara Neves - 178 pontos
3 - Marcely Cazadini - 106 pontos
4 - Tainá Aguiar - 76 pontos
5 - Livia Batistine - 64 pontos

E35
1 - Nielsen Bueno - 283 pontos
2 - Diogo Andrade - 233 pontos
3 - Anderson Vieira - KTM Sacramento - 221 pontos
4 - Igor Reolon - 136 pontos
5 - Tiago Bellaver - 117 pontos


Imagens Relacionadas:
Maiara Basso, campeã brasileira de enduro FIM 2018 na classe EFeminina - Foto: Flávio Pellin
Maiara Basso, campeã brasileira de enduro FIM 2018 na classe EFeminina - Foto: Flávio Pellin

Maiara Basso, campeã brasileira de enduro FIM 2018 na classe EFeminina - Foto: Flávio Pellin
Maiara Basso, campeã brasileira de enduro FIM 2018 na classe EFeminina - Foto: Flávio Pellin

Maiara Basso, campeã brasileira de enduro FIM 2018 na classe EFeminina - Foto: Flávio Pellin
Maiara Basso, campeã brasileira de enduro FIM 2018 na classe EFeminina - Foto: Flávio Pellin

Anderson Vieira, segundo colocado da categoria E35 na final do Brasileiro de Enduro FIM 2018 - Foto: Flávio Pellin
Anderson Vieira, segundo colocado da categoria E35 na final do Brasileiro de Enduro FIM 2018 - Foto: Flávio Pellin

Anderson Vieira, segundo colocado da categoria E35 na final do Brasileiro de Enduro FIM 2018 - Foto: Flávio Pellin
Anderson Vieira, segundo colocado da categoria E35 na final do Brasileiro de Enduro FIM 2018 - Foto: Flávio Pellin

Anderson Vieira, segundo colocado da categoria E35 na final do Brasileiro de Enduro FIM 2018 - Foto: Flávio Pellin
Anderson Vieira, segundo colocado da categoria E35 na final do Brasileiro de Enduro FIM 2018 - Foto: Flávio Pellin

Gustavo Pellin, terceiro colocado da categoria E2 na final do Brasileiro de Enduro FIM 2018 - Foto: Flávio Pellin
Gustavo Pellin, terceiro colocado da categoria E2 na final do Brasileiro de Enduro FIM 2018 - Foto: Flávio Pellin

Gustavo Pellin, terceiro colocado da categoria E2 na final do Brasileiro de Enduro FIM 2018 - Foto: Flávio Pellin
Gustavo Pellin, terceiro colocado da categoria E2 na final do Brasileiro de Enduro FIM 2018 - Foto: Flávio Pellin

Veja todas as 17 fotos.